Maria do Carmo Espumante Bruto

Tipo: Espumante Grau Alcoólico: 12,5% Ficha Técnica: Maria do Carmo Espumante Bruto

História

O espumante rosé de Touriga Nacional revelou tanta vitalidade e personalidade que o decidimos homenagear com o nome de Maria do Carmo, a herdeira da Quinta do Gradil que, em meados do século XIX, marcou indelevelmente a história desta propriedade e da região. Dona Maria do Carmo Romeiro da Fonseca nasceu no Sanguinhal em 1829 no seio de uma família intimamente ligada à região e à produção e comércio de vinho. Aos vinte anos, por morte da mãe, herdou a Quinta do Gradil, propriedade que soube aumentar e desenvolver ao longo do
tempo. 1854 passa a ser um ano de referência na história desta casa já que marca a sua passagem de Casal para Quinta.

Enologia

Vera Moreira & António Ventura.

Castas

Touriga Nacional.

Viticultura

Solos de textura franca a argilosa de calcários pardos vermelhos

Vinificação

Vindima manual no início de setembro das uvas escolhidas para a elaboração da base. Ligeira maceração pelicular a frio na prensa pneumática antes da fermentação a 16ºC durante 18 dias, com batonnage durante 30 dias após fermentação. Espumantização pelo método clássico champanhês.

Notas de prova

Elaborado pelo método clássico, com base em Touriga Nacional de cor rosa - salmão exibe bolhas finas e persistentes em harmonia com o elegante bouquet. Na boca revela frescura cremosidade, mineralidade e persistência.