"Viagens Pela nossa Paisagem Mar e Terra"

Um menu desenhado pelo Chef António Alexandre e que será confecionado a quatro mãos com o Chef residente Daniel Sequeira.

No próximo sábado, dia 28 de janeiro, arranca o ciclo de jantares temáticos no Restaurante da Quinta do Gradil com reconhecidos Chefs do panorama gastronómico português. António Alexandre, que atualmente é o responsável máximo da cozinha do Lisbon Marriott Hotel e autor de projetos como o Endógenos e o NATUREcooking, é o primeiro convidado de Daniel Sequeira, residente na Quinta produtora de vinhos de Lisboa. O desafio foi criar um menu com produtos típicos da região Oeste, onde está localizada a Quinta do Gradil, e casá-los com os vinhos da casa. O propósito foi celebrar o recente reconhecimento por parte do Trip Advisor e o número de visitas recebidas ao longo do ano que passou.


O jovem Chef Daniel Sequeira, com 26 anos de idade, está a tomar conta da cozinha do Restaurante da Quinta do Gradil há um ano, e foi também nessa altura que Luís Vieira, administrador da casa, reformulou todo o “recheio” deste espaço. Desde o responsável de sala, aos empregados mais habilitados no aconselhamento dos melhores vinhos, passando pelos ajudantes de cozinha, os equipamentos e a própria decoração. “Mais intimista e inspiradora a condizer com as conversas que se prolongam aqui à mesa”, explica Luís Vieira.


O reconhecimento que agora chega pelo Trip Advisor com o certificado de excelência e o número crescente de visitas que o Restaurante recebeu ao longo de 2016, fez com que Daniel Sequeira quisesse abrir as portas, em momentos específicos do ano, a emblemáticos Chefs portugueses, para poder com eles aprender outras técnicas e assim aperfeiçoar também o seu trabalho.


Aberto de quarta a segunda-feira ao almoço, sexta e sábado ao jantar ou em outras noites mediante reserva antecipada e para grupos, o Restaurante fica localizado dentro da Quinta do Gradil, usufruindo desta forma de uma paisagem única e de uma envolvente natural com vinhas a perder de vista. Lá dentro, o ambiente está em sintonia com o que se bebe à refeição e oferece uma fusão entre conforto, elegância e ruralidade. Os elementos decorativos utilizados apelam aos sentidos e às emoções, contam histórias do passado, e inspiram a prova dos diferentes néctares disponíveis. As paredes expõem obras de artistas portugueses, como José de Guimarães e Mário Vitória.